refrigerante-diet

As 9 Razões para Não Beber Refrigerante Diet

Quantas pessoas você conhece, que perderam peso por simplesmente mudar de Coca-Cola para Refrigerante Diet? Provavelmente, não muitos. Isso porque, a menos que seguido por outras mudanças de estilo de vida, a escolha por refrigerantes diet é absolutamente inútil.

refrigerante-diet

Refrigerante Diet – O que exatamente é?

Refrigerantes diet são bebidas carbonatadas. Em vez de açúcar, são adoçados artificialmente com aspartame, ciclamato, sacarina, acessulfame – K ou sucralose. Quase todos as bebidas populares adoçadas com açúcar no mercado tem uma “light” ou uma versão “diet” … Diet Coke, Pepsi Max, Sprite Zero etc. Essas bebidas são livre de calorias, o que tecnicamente deve ajudar as pessoas a perderem peso e prevenirem-se de açúcar e de doenças relacionadas, como a síndrome metabólica e diabetes [Veja nosso Vídeo falando sobre Diabetes]. No entanto, as evidências são completamente inexistentes.

Refrigerante Diet e a Síndrome Metabólica

A síndrome metabólica é um conjunto de fatores de risco para doenças que normalmente aparecem em conjunto e aumentam o risco de diabetes, acidente vascular cerebral e doença cardíaca. Ela é definida por pelo menos três dos seguintes fatores:

  • A obesidade abdominal (gordura da barriga)
  • Glicose alta jejum
  • Triglicérides elevados
  • Baixo colesterol HDL
  • Pressão arterial elevada

Consumir bebidas “livres de caloria”, ao invés de açucaradas, não parece ser útil contra a síndrome metabólica. Em um estudo publicado na revista Circulation, em 2008, que seguiu 9.514 pessoas por 9 anos, consumindo bebidas adoçadas artificialmente e foi associado a um aumento de 34% no risco de desenvolvendo da síndrome metabólica. Um outro estudo encontrou um risco aumentado de 36%  na síndrome metabólica e um risco aumentado drasticamente de diabetes em bebedores de refrigerante diet.

Resumo: Estudos observacionais mostram uma correlação entre refrigerante diet e síndrome metabólica, que pode levar a doenças graves.

Refrigerante Diet, Depressão e Parto Prematuro

Existe uma associação entre refrigerante diet e depressão. Em um estudo com 263.925 adultos com idade entre 51-70, mostrou que os indivíduos que bebiam refrigerantes foram 30% mais propensos a serem diagnosticados com depressão durante um período de 10 anos. O resultado foi mais contundente para quem consumiu o refrigerante diet, que também está associado com o parto prematuro. Num estudo com 59.334 mulheres grávidas na Dinamarca, considerando uma (1) porção por dia de bebidas diet, foi associado a um aumento do risco de parto prematuro em 38%. Já com quatro (4) porções por dia, resultou em um aumento de 78% do risco.

Resumo: Dieta com consumo de refrigerantes está fortemente associada com depressão e parto prematuro.

Refrigerante Diet e o Risco de Diabetes tipo II

A diabetes tipo II tem aumentado num ritmo alarmante nas últimas décadas e agora aflige cerca de 300 milhões de pessoas em todo o mundo. Esta doença é altamente associada à obesidade e ao consumo de açúcar, por isso alguns argumentam que a substituição de bebidas adoçadas com açúcar por bebidas sem calorias ajudaria. No entanto, não há nenhuma evidência que estas bebidas sejam úteis contra a diabetes. Um estudo de 6814 indivíduos com idades entre 45-85 anos, com o consumo diário refrigerante diet, foi associado ao aumento do risco de diabetes tipo II em 67%. Outro estudo foi feito com 66.118 mulheres francesas, que foram seguidas por um total de 14 anos. Essas mulheres consumiam mais bebidas diet e tiveram 121% a mais de risco de desenvolver a diabetes tipo II. A análise dos dados de dois estudos de Harvard, também revelou que o alto consumo de bebidas diet levantou o risco de diabetes em mulheres, mas não nos homens. Cada dose diária, aumentou o risco de um diagnóstico de diabetes em 6%.

Resumo: A associação entre refrigerante diet e diabetes é muito forte, especialmente em mulheres. Um estudo mostrou mais do que uma duplicação desse risco.

Refrigerante Diet, Obesidade e Ganho de Peso

A principal razão para as pessoas mudarem seu consumo para bebidas diet é cortar calorias e perder peso. Infelizmente, isso não parece funcionar. Em um estudo com 3.682 indivíduos de San Antonio, Texas, o consumo de refrigerante diet foi associado com o dobro do risco de sobrepeso ou obesidade. Outros estudos prospectivos também mostram uma associação dos adoçantes artificiais e ganho de peso. No entanto, nós temos um estudo controlado e  randomizado, onde 318 indivíduos foram divididos em três grupos: um grupo de controle, um grupo que substituiu refrigerante por açúcar com água e um grupo que substituiu refrigerante açucarado com bebidas dietéticas. No final dos 6 meses de estudo, não houve diferença significativa entre os três grupos. Neste ensaio clínico controlado, refrigerante diet não fez piorar as coisas, mas também não os tornam melhor. Eu gostaria de salientar que muitos ensaios de alimentação de curto prazo mostram que os adoçantes artificiais podem aumentar o apetite e a ingestão de alimentos, em comparação com o açúcar. Mas outros estudos mostram o efeito oposto ou nenhum efeito em geral.

Resumo: Estudos observacionais mostram uma forte ligação entre refrigerante diet e obesidade, enquanto um estudo controlado não mostra nenhum efeito sequer.

Mensagem para Casa

Muitos dos estudos acima são chamados estudos epidemiológicos , que não podem provar que bebidas dietéticas tenham qualquer tipo de efeito, porém, esses estudos podem mostrar associações. Se o refrigerante diet pode causar danos ou não, ainda não foi comprovado em estudos controlados, mas é claro que há uma forte associação estatística entre refrigerante diet e doenças. Uma possível explicação para o vínculo é o fato de que as pessoas que já estão ganhando peso são mais propensos a recorrer a bebidas dietéticas. Não há necessidade fisiológica para essas bebidas na dieta, embora muitas pessoas tendem a apreciá-las. Eu, pessoalmente, escolho evitar refrigerantes diet, principalmente porque eu não gosto de como me sinto quando eu os consumo. Prefiro manter meu corpo livre de produtos químicos artificiais.

Recomendados Para Você:

Publicado por

Fernando

Fernando Muniz tem 28 Anos, casado, pai de dois Filhos [Maria e Bernardo] e sempre teve uma alimentação muito desregrada e com isso ativou o EFEITO SANFONA na sua vida perdendo e ganhando peso de forma constante, com esse acervo de nutrição ele gostaria de ajudar mais pessoas a superar de uma vez por toda o sobrepeso, obesidade e o efeito sanfona, é nisso que eu acredito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *